POST EM DESTAQUE

  • Ana Clara Mardegan

Lançamento do livro "Últimos Refúgios: da Pedra Azul ao Forno Grande" já tem data marcada

O livro “Últimos Refúgios: Da Pedra Azul ao Forno Grande" já está em fase de produção e com data de lançamento marcada. O evento ocorrerá no dia 8 de julho, às 19h, em transmissão ao vivo no Instagram e YouTube do Instituto Últimos Refúgios, com a presença de apoiadores e pessoas importantes para o desenvolvimento do projeto.

Ao longo dos últimos dois anos, a equipe do Instituto Últimos Refúgios visitou os municípios de Castelo, Vargem Alta e Domingos Martins para registrar a biodiversidade do corredor ecológico que liga o Parque Estadual da Pedra Azul ao Parque Estadual do Forno Grande. As fotografias de natureza deram origem ao terceiro volume da série Áreas Protegidas, desenvolvido a partir da Lei de Incentivo à Cultura Federal.


Pedra Azul. Foto: Leonardo Merçon


Até a data de lançamento, as mídias sociais do Instituto terão um cronograma especial com atualizações diárias. O conteúdo terá imagens de natureza, fotos making of, informações adicionais sobre o projeto teasers e vídeos exclusivos de desenvolvimento do livro.


Making Of. Foto: Augusto Gomes


Corredor Ecológico

O Corredor Ecológico entre os Parques Estaduais da Pedra Azul e do Forno Grande, que passa pela Reserva Águia Branca e propriedades privadas vizinhas, atinge recordes de visitação no Espírito Santo como um dos principais atrativos turísticos do estado.


A equipe do Instituto Últimos Refúgios visitou a região para conhecer suas riquezas naturais e atestar a grande variedade de ambientes e espécies importantes para a conservação da biodiversidade brasileira. O corredor é fonte de vida. É um celeiro de água, plantas e animais.


Sagui-da-serra (Callithrix flaviceps). Foto: Leonardo Merçon


O terceiro volume da série Áreas Protegidas revela os detalhes desta região após um complexo trabalho fotográfico que respeitou o tempo e o ritmo dos ciclos da natureza. As espécies retratadas são emblemáticas, pois sobrevivem em um contexto de crescente ocupação humana. O Corredor Ecológico da Pedra Azul ao Forno Grande apresenta-se ao mundo por meio de registros sensíveis, reunidos em um livro fotográfico que provoca reflexões sobre a importância de preservá-lo.


Pedra Azul

A imponente Pedra Azul é um dos principais cartões postais da serra capixaba. No seu entorno, é possível vivenciar diversas atrações turísticas, a exemplo do Parque Estadual da Pedra Azul, que oferece trilhas na floresta e piscinas naturais com uma vista incrível; e o Ecoparque, que disponibiliza um cardápio repleto de opções de turismo de aventura. A escalada ao topo da montanha é uma excelente alternativa para aqueles que buscam aventura e adrenalina em um dos pontos turísticos mais bonitos do Brasil.


Além disso, restaurantes e hotéis integrados à natureza oferecem um belo visual e conforto para os visitantes.


Escalada. Foto: Augusto Gomes


Reserva Águia Branca

A Reserva Ambiental Águia Branca foi criada em 2017 pelo Grupo Águia Branca para contribuir com o desenvolvimento sustentável da Região das Montanhas Capixabas. Localizada no município de Vargem Alta, a Reserva possui 2.225,64 hectares de área e uma rica biodiversidade, com o registro de várias espécies de fauna e flora, algumas delas raras e ameaçadas de extinção. O espaço está preparado para receber visitantes - mediante agendamento - para ações de educação ambiental, opções de lazer e trilhas. A reserva ainda possui estrutura para eventos com um auditório para até 80 pessoas.


Jaguatirica e ninho de tesourinha-da-mata. Fotos: Leonardo Merçon.


Forno Grande

O maciço do Forno Grande faz referência aos fornos de assar pães utilizados pelos imigrantes italianos que colonizaram a região. O pico de 2.029 metros de altura é o segundo ponto mais alto do Espírito Santo, ficando atrás apenas do Pico da Bandeira. Sua principal atração é, além do centro de visitantes, a trilha com cerca de três quilômetros que leva os visitantes até um lindo mirante onde pode-se ver o Pico de Forno Grande, a imponente Pedra Azul e toda a natureza que cerca o corredor ecológico, uma das vistas mais lindas do Espírito Santo. Para quem quiser se refrescar, os poços amarelos são perfeitos e estão localizados no meio da trilha.


Roteiro Turístico

O acesso ao Corredor Ecológico pode ser feito pela BR-262, a partir da Pedra Azul, geralmente o primeiro destino para quem busca atrações de turismo ecológico. É possível visitar as trilhas na floresta e conhecer as atrações gastronômicas da Rota do Lagarto em apenas um dia.

A densa Mata Atlântica acompanha todo o trajeto, principalmente nos trechos mais estreitos, onde você pode desacelerar e contemplar a paisagem nos arredores, repleta de ar puro e natureza. Assim, também é possível evitar acidentes com a fauna nativa.


Uma excelente opção é se hospedar na região ou na Rota das Flores. Além de contemplar as trilhas locais e as atrações da hospedagem, também é possível ir até o Parque Estadual Forno Grande para conhecer o centro de visitantes e percorrer a trilha até o mirante e os poços amarelos.

 

O livro "Últimos Refúgios: De Pedra Azul ao Forno Grande" é um projeto da Lei de Incentivo à Cultura realizado pelo Instituto Últimos Refúgios, Secretaria Especial de Cultura e Ministério do Turismo, com patrocínio do Grupo Águia Branca, Medsênior e Diaço Distribuidora de Aço S/A; e apoio do Instituto Estadual do Meio Ambiente (IEMA), Reserva Ambiental Águia Branca, Parque Estadual da Pedra Azul, Parque Estadual do Forno Grande, Ecoparque Pedra Azul Aventura, Instituto O Canal, MAKNA e Ripple Essentials.






225 visualizações