PROJETO MARSUPIAIS

Os Marsupiais do Brasil - Importância & Conservação

"Você conhece os marsupiais Brasileiros?"

 

"Como assim? Tem canguru no Brasil?"

Não. O canguru é apenas uma espécie de marsupial e não vive no Brasil. Mas aqui tem muitas outras espécies.

 

A característica que os diferenciam de outros mamíferos é sua forma de desenvolvimento. Marsupiais nascem prematuros e terminam o crescimento junto ao corpo da mãe. Alguns marsupiais brasileiros possuem uma bolsa, o marsúpio, para proteção dos filhotes recém-nascidos. Mas em muitas espécies os filhotes ficam presos as mamas.

 

O canguru é um dos marsupiais mais conhecidos. Você também já deve ter ouvido falar do coala. Ambos são da ordem Diprotodontia. São animais incríveis, mas não ocorrem aqui no Brasil e sim na Oceania (Grande-Austrália). Lá existe uma diversidade enorme de famílias.

Catita (Gracilinanus microtarsus) - Brazilian gracile opossum

Gambá-de-orelha-preta (Didelphis aurita) - Big-eared opossum

Aqui, no Brasil temos mais de 60 espécies diferentes. Todas de uma única família: a Didelphidae (Ordem Didelphimorphia). Entre as espécies brasileiras temos os gambás (Didelphis sp.), as cuícas e as catitas, que juntos formam essa grande e interessante família de marsupiais.

"Que legal! Agora estou curioso."

Então, te convidamos a acompanhar o Projeto Marsupiais para entender e aprender tudo sobre eles!

O Projeto Marsupiais é uma iniciativa do Instituto Últimos Refúgios que atua na conservação dos marsupiais brasileiros. Desde 2017 realizamos trabalhos de Pesquisa Científica e Sensibilização Ambiental, sempre buscando a permanência destes animais na natureza.

 

Desenvolvemos pesquisas sobre a fauna nativa de marsupiais presente em unidades de conservação e áreas urbanizadas. Além de contribuir com a comunidade científica, estes estudos levam conhecimento para a população utilizando-se de ferramentas e produtos culturais e educativas, instigando a empatia das pessoas pela natureza e até incentivando o surgimento de novos pesquisadores.

 

Nosso grande objetivo é mostrar a riqueza dessas espécies e sua grande importância para o ecossistema como um todo e para o ser humano em particular. A nossa missão é instigar a empatia das pessoas pelos marsupiais e promover sua conservação.

O QUE FAZEMOS

Para que as pessoas tenham empatia pelos marsupiais trabalhamos com difusão científica, transformando informações técnicas em conteúdo popular. Assim todos podem ter acesso ao conhecimento. Como ferramentas, utilizamos fotografias, vídeos e ilustrações, conseguindo assim representar a natureza e seus comportamentos. Com este material, ajudamos a conscientizar as pessoas e consequentemente promovemos a conservação de espécies de grande importância ecológica.

Um único gambá pode eliminar cerca de 4000 carrapatos por semana.
O Gamba se finge morto... Por Que?
Gambas comem cobras venenosas

*Ilustrações criadas pelo Projeto Marsupiais, usadas para a Difusão Científica em mídias sociais.

Além disso, o projeto busca parcerias e financiamentos para o desenvolvimento da pesquisa científica. Procuramos preencher as lacunas de conhecimento, primeiramente no estado do Espírito Santo, para promover a efetiva preservação das espécies. Pela ciência, mapeamos e planejamos nossas estratégias e ações de conservação para cada espécie.

O Projeto Marsupiais vem desenvolvendo e planejando o trabalho de resgate e reabilitação dos marsupiais que necessitem de cuidados. Este trabalho acontece inicialmente nas cidades da Grande Vitória, no Espírito Santo.

 

Com auxílio de parcerias, pretendemos realizar o resgate e deslocamento do animal até um centro de tratamento, para que este possa ser avaliado por especialistas, indicando assim o estado de saúde do animal e os cuidados necessários.

 

Para a reabilitação, pretendemos avaliar as metodologias já utilizadas e adaptá-las, caso necessário, para que os marsupiais possam ser soltos na natureza com maiores chances de sobrevivência. Ainda nesse sentido, queremos capacitar voluntários para realizar os cuidados e a reabilitação dos animais, além de criar um banco de pessoas capacitadas e regularizadas para realizar esse tipo de atividade.

Como você Pode Ajudar

Por ser uma organização sem fins lucrativos, o Instituto Últimos Refúgios depende de doações para dar continuidade aos projetos em desenvolvimento. Para o Projeto Marsupiais não é diferente.

 

Precisamos da ajuda de colaboradores para conseguirmos realizar a Pesquisa Científica, Difusão Científica, Educação Ambiental, Resgate e Cuidados dos Marsupiais. 

 

No momento, todas essas atividades são realizadas por voluntários não-remunerados e todas as despesas são financiadas pelos mesmos.

Para onde vai o recurso arrecadado?

 

Compra de suplementos alimentares e medicamentos para os marsupiais órfãos e debilitados.

Deslocamento dos voluntários para a realização das atividades.

Compra de materiais de uso diverso nas atividades realizadas (Papelaria, EPIs, etc.).

Compra de equipamentos para a realização das atividades.

Gambá Bebê

Sua contribuição faz uma grande diferença nas nossas atividades: 100% da doação é revertido para a causa ambiental e a conservação dos marsupiais brasileiros. Sua doação ajudará na pesquisa científica, nos resgates e cuidados de marsupiais debilitados e no trabalho de conscientização e educação ambiental. 

Camisa do Projeto Marsupiais

Você precisa de ajuda com algum animal?

Recebemos muitos pedidos online de ajuda de pessoas que estão com animais resgatados, sejam filhotes órfãos ou adultos feridos. 

Para agilizar no atendimento deixamos disponível este Boletim Técnico. Neste material você terá dicas de como proceder no resgate e nos cuidados com os marsupiais. Qualquer dúvida entre em contato com a gente pelo Instagram ou Facebook

Filhote de Gambá-de-orelha-preta (Didelphis aurita) - Baby opossum

Filhotes de Gambá-de-orelha-preta (Didelphis aurita) - Babies opossum

Novidades do projeto Marsupiais

Conheça nossa Equipe e Parceiros

IASMIN MACEDO

Coordenação

A paixão por esses animais começou quando realizei trabalhos com pequenos mamíferos ainda na graduação, desde lá tinha um apreço por eles. Com o tempo esse sentimento foi aumentando e também aumentava a vontade de estudá-los, pois são um grupo de seres únicos e interessantíssimos. Ao encontrar pessoas com grande amor pela natureza, pela conservação e proteção das vidas, ganhei um combustível para lutar por esses animais. São muito incompreendidos, discriminados e maltratados, queremos mudar essa situação, mostrar a importância destes para nós e preservar todo esse ecossistema. Iasmin Macêdo, Coordenadora do Projeto Marsupiais, Bióloga formada pela Faculdade Pitágoras de Linhares!

LEONARDO MERÇON

Fotógrafo

cAROLINE rEIS

Voluntária

Graduada em Biologia, decidi ser voluntária do projeto marsupiais por saber que posso ajudar a promover a conservação das espécies de marsupiais e seu ambiente e ajudar educar a sociedade sobre a importância desses animais. Quero utilizar meus conhecimentos e também aprender mais. Vejo no projeto que temos grande capacidade de mudar a situação atual desses animais, proporcionando a eles um ambiente mais próximo do seu ideal.

Laiz Pontes Baptista

Voluntária

Apaixonada por animais e natureza como um todo, busquei experiências com pesquisa científica e expedições de campo. Desde a graduação, me envolvi com projetos que me proporcionassem trabalhar com o que amo e a realizar algo em prol da vida dos animais, como a sensibilização ambiental, monitoramento, resgate e reabilitação. Bióloga formada pelo Instituto Federal do Espírito Santo, Campus Santa Teresa (IFES).

João Pedro Zanardo

Voluntário

Sou voluntário do Instituto Últimos Refúgios e escolhi fazer parte do Projeto Marsupiais porque acredito que através da conservação nós podemos fazer a diferença para um mundo mais sustentável e assim poder ter uma relação mais amigável com a natureza.

.

Voluntária

...

Group_font_awesome.svg.png

.

...

.

,

.

.

Favicon_IMD.png

iNSTITUTO mARCOS dANIEL

Parceiro

O Instituto de Ensino, Pesquisa e Preservação Ambiental Marcos Daniel (IMD) é uma associação sem fins lucrativos que trabalha com medicina da conservação, pesquisa científica e ecoturismo. Tem como objetivo promover a capacitação de pessoas para a conservação da natureza.

Silvestres.jpg

Silvestres

Parceiro

A Silvestres é uma empresa multidisciplinar, contendo biólogos, veterinários e zootecnistas em seu corpo técnico, atuando exclusivamente na área de animais selvagens no estado do Espírito Santo, oferecendo serviços como: consultoria para abertura e manutenção de fauna silvestre e exótica, atendimento médico veterinário, nutrição para animais silvestres e educação ambiental. Inauguramos a primeira internação exclusiva para animais silvestres no estado do Espírito Santo. Em parceira com o Ibama, IEMA e projetos de conservação, atendemos voluntariamente  animais silvestres resgatados e realizamos ações de educação ambiental com crianças carentes.

Ripple.png

Ripple essentials

Parceiro

Mais do que uma marca de camisetas, Ripple significa movimento, uma declaração de princípios em favor do bem, do essencial e das ideias criativas e sustentáveis. As camisetas Ripple Essentials misturam design, minimalismo, conservação ambiental, mar e até surfe. Valorizamos o essencial. Menos é mais, menos é agora.

Você tem perguntas, dúvidas ou gostaria entrar em contato com os responsáveis do Projeto Marsupiais? Mande uma mensagem utilizando o formulário abaixo.

  • Facebook Projeto Marsupiais
  • Instagram Projeto Marsupiais
  • Whatsapp Projeto Marsupiais

Somos uma organização sem fins lucrativos. Por isso dependemos de doações para manter viva a luta em prol do meio ambiente. Sua colaboração mensal garante a continuidade e a independência do nosso trabalho.

Post_amigos_do_ultimos_refugios01.jpeg

Quer receber novidades? - Assine a newsletter

CALL US:

+55 (27) 3022-1667

Rua Humberto Balbi - 21 - Ed. Renê Descartes - sala 208 -

Jardim Camburi - Vitória, ES - Brazil

2006-2019 © Últimos Refúgios - All rights reserved

  • Facebook - Últimos Refúgios
  • YouTube - Últimos Refúgios
  • Instagram - Últimos Refúgios
  • Twitter - Últimos Refúgios