GUIA ONLINE DE OBSERVAÇÃO DE AVES

NO ESPÍRITO SANTO

O QUE É A OBSERVAÇÃO DE AVES?

?

A observação de aves (Birdwatching) é uma atividade sustentável que tem como objetivo observar as aves em seu habitat natural, sem interferir no seu comportamento ou no seu ambiente. O Birdwatching pode ser praticado por qualquer pessoa, de crianças a idosos, em grupos ou individualmente, é divertido, emocionante, incentiva a passear mais e ter mais contato com a natureza.

A observação de aves existe desde que o homem começou a interessar-se pelo comportamento de outras formas de vida que compartilham o planeta conosco. Há algum tempo vem sendo praticada nos Estados Unidos e Europa como hobby, e é chamada de “Birdwatching”, com alguns países tendo estrutura (trilhas, placas, guias) para tal atividade em todos os parques naturais. No Brasil, a observação de aves de forma recreativa é relativamente recente, sendo que nas últimas décadas, muitos clubes de observadores (COA) vêm surgindo e se espalhando pelo país, com cada vez mais adeptos. Esta atividade traz consigo uma série de benefícios, entre os quais (1) o desenvolvimento do turismo responsável, ligado à conservação da espécie em seu ambiente natural; (2) o fomento da informação e educação ambiental com comunidade e turistas; (3) a coleta de dados científicos; (4) a sensibilização para o desenvolvimento sustentável; (5) a geração de renda e valores agregados para as comunidades locais; (6) o incentivo dos setores hoteleiro e turístico.

O QUE É PRECISO PARA OBSERVAR AVES?

Para observar aves, tudo que você precisa são seus olhos. Temos colegas observadores que vão a campo (dentro do possível,em locais de mais fácil acesso) de cadeiras de rodas e conseguem observar aves lindas. Só é necessário disposição e amor pelas criaturinhas aladas.

Porém, existem equipamentos que facilitam ou deixam o processo ainda mais interessante. A “Observação de Aves”, apesar do nome não se restringe a uma mera observação passivas, se desdobrando também na busca, registro fotográfico, videográfico, ou auditivo, identificação de espécies e hábitos das mesmas.

BINÓCULOS

O binóculo faz da observação de aves uma atividade mais interessante, facilitando a identificação e ampliando a quantidade e a qualidade dos avistamentos. Você pode ter binóculos de qualquer qualidade, porém, quanto melhor o binóculo, mais agradável será a passarinhada, pois você conseguirá ver mais detalhes das aves mais distantes.

GRAVADOR DE ÁUDIO

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

CALÇADO

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

BLOCO DE NOTAS

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

CÂMERA FOTOGRÁFICA

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

PLAYBACK *

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

VESTIMENTAS

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

EPI (perneiras)

Uma peça destinada a proteger as pernas na região entre o joelho e o pé. A maioria dos acidentes relcionados a picadas de cobras acontecem nessa região do corpo. Portanto, SEMPRE andem nas matas de perneiras para não ter surpresas indesejadas, pois observadores de aves costumam andar pelas trilhas olhando para cima em busca das aves.

REPELENTE

EM BREVE MAIS INFORMAÇÕES

COA - CLUBES DE OBSERVADORES DE AVES

A História dos COAs no Brasil, clube de observadores de aves, começa com a conscientização ecológica que teve início em meados dos anos 1980. O primeiro COA a ser organizado no Brasil foi o COA de São Leopoldo no RS. Posteriormente, nessa esteira, outros COAs foram surgindo Brasil afora, com destaque para o COA do Rio de Janeiro, fundado por volta de 1985, o que influenciou o nascimento de outros pelo Brasil. Destacamos o COA do RJ, porque em suas fileiras e reuniões surgiram grandes ornitólogos como José Fernando Pacheco e outros. Nessas reuniões eram frequentes a presença do mestre “Her. Sick”, Helmut Sick o autor de nossa mais prestigiada obra sobre nossas aves. Até 1991, ano de seu falecimento, Sick participou das reuniões do COA carioca junto aos novos e jovens observadores que foram aparecendo.

Basicamente todos os COAs possuem os mesmos objetivos: o estudo, observação e apreciação de nossas aves. Com o advento e “barateamento” da fotografia digital, a partir da década de 1990, aumentou bastante o interesse de pessoas que se tornaram os novos observadores de aves, fato que contribuiu para popularizar ainda mais os COAs. Atualmente, essas organizações destinam-se não apenas a amantes das aves, mas a todas as pessoas que desejem fazer recreações no campo, ter um contato com a natureza, ou mesmo participar de encontros saudáveis entre amigos que “curtem” objetivos similares, com o foco principal nas aves. Com isso, a ideia de preservação de nossas aves e bichos ganhou milhares de novos “soldados”, defensores jovens e apaixonados por nossos bichos e aves!

Muitos COAs são formalizados e possuem atividades sociais de observação no campo agendadas com antecedência, o que permite uma boa programação e também cooperam na publicação de artigos e ajudam os mais inexperientes nas fases iniciais de identificação de uma ave.

Aqui no ES, o COA somente ganhou força a partir de 2010, com os observadores, que antes nãos se conheciam, começando a participar de reuniões e excursões a campo com a finalidade de observar as aves. Nosso COA não é uma entidade formalizada como alguns dos COA nacionais, mas conta com um bom número de entusiastas e fotógrafos! Registros importantes e localização de algumas aves raras tem conferido destaque a nosso COA, tendo, inclusive, aparecido na imprensa, o que atrai curiosos interessados em aderir. Possuímos páginas na Internet com notícias sobre atividades do grupo e algumas informações interessantes.

Em nosso entendimento, o COA pode ser um importante fator de conscientização ecológica, educando comunidades ainda carentes da noção ambiental e, ainda, participando da localização e estudo de espécies de aves. Em países como os EUA, os observadores de aves cadastrados nos COAs, inclusive, participam de censos anuais sobre a população das aves, o que em nosso país poderia ser uma importante contribuição sobre o estudo da flutuação das populações.

Texto de José Silvério,

um dos mais experiêntes observadores do Espírito Santo.

* Esta página está em constante desenvolvimento, e é realizada por VOLUNTÁRIOS, portanto, aceitamos sugestões de novos locais, dicas e APENAS criticas CONSTRUTIVAS. Caso conheça alguma área interessante para observação de aves, nos envie um e-mail (contato@ultimosrefugios.com.br) com as informações.

Gostou da iniciativa? Inscreva nos canais de mídia social do Instituto Últimos Refúgios e nos deixe uma mensagem para sabermos que nosso trabalho está sendo útil.

FACEBOOK

YOUTUBE

REALIZAÇÃO

PARCEIROS

Store_UltimosRefugios.png

Somos uma organização sem fins lucrativos. Por isso dependemos de doações para manter viva a luta em prol do meio ambiente. Sua colaboração mensal garante a continuidade e a independência do nosso trabalho.

Post_amigos_do_ultimos_refugios01.jpeg

Quer receber novidades? - Assine a newsletter

CALL US:

+55 (27) 3022-1667

CHOOSE YOUR LANGUAGE:

Rua Humberto Balbi - 21 - Ed. Renê Descartes - sala 208 -

Jardim Camburi - Vitória, ES - Brazil

2006-2019 © Últimos Refúgios - All rights reserved

  • Facebook - Últimos Refúgios
  • YouTube - Últimos Refúgios
  • Instagram - Últimos Refúgios
  • Twitter - Últimos Refúgios