POST EM DESTAQUE

Foto do U.R. ganha concurso no Instagram

10/07/2019

1/7
Please reload

As antas da Reserva Biológica de Sooretama

 

Você já deve ter ouvido ou usado a palavra Anta, e provavelmente em um sentido muito mais pejorativo. Acredite, se usou a palavra com este sentido você estava equivocado. Ou talvez você já tenha confundido a anta com tamanduá, capivara ou porco.

 

 

A anta (Tapirus terrestris), também conhecida como anta brasileira, é o maior mamífero terrestre brasileiro e um animal bastante inteligente. Ela é também considerada a Jardineira das Florestas. Esta denominação deve-se a sua importante função na natureza, que é dispersar sementes, ou seja, levar as sementes de um ambiente para outro, especialmente a longas distâncias. Dessa forma, a anta é essencial para a manutenção das florestas, mantendo a diversidade de espécies vegetais. Viram que a anta está longe de ser um animal estúpido?

 

A anta possui uma grande distribuição geográfica e habita diversos ambientes, no entanto, as suas populações têm diminuído. Devido à redução no tamanho populacional e outros fatores de ameaça, a anta é considerada ameaçada de extinção pela União Internacional para a Conservação da Natureza, como Vulnerável, e no estado do Espírito Santo como Em Perigo. Dentre os principais fatores que ameaçam as antas, inclusive no estado do Espírito Santo, estão o desmatamento e a fragmentação das florestas, o forte impacto de caça, atropelamento, perda de qualidade de habitat e o crescimento de centros urbanos e das áreas rurais no entorno das unidades de conservação. Características específicas da espécie, como um longo período de gestação e o nascimento de apenas um filhote, associadas a essas ameaças também aumentam a suscetibilidade da anta à extinção.

 

No Espírito Santo, as últimas áreas de mata relativamente expressivas estão representadas por áreas naturais protegidas e é justamente nessas áreas, no norte do estado, onde ainda é confirmada a ocorrência atual das antas. Apenas sete unidades de conservação possuem ocorrência da espécie e a Reserva Biológica de Sooretama, uma exuberante Floresta de Tabuleiro localizada no município de Sooretama, pode ser considerada o principal refúgio das antas no Espírito Santo. Juntamente com a Reserva Natural Vale, as RPPNs Mutum-Preto e Recanto das Antas, e outros fragmentos florestais particulares, essa paisagem é considerada uma das três áreas que ainda podem manter populações mínimas viáveis da espécie. Isso quer dizer que a população dessa região será capaz de sobreviver nos próximos 100 anos. Porém, é preciso enfatizar que isso só será realmente possível se as principais ameaças à sobrevivência da espécie não ocorrerem mais, especialmente os atropelamentos na rodovia BR 101, que corta um trecho da Rebio de Sooretama. Recentemente, um macho adulto da espécie foi atropelado nesta rodovia. Ali, naquele trecho que a rodovia corta, é a casa dos bichos da mata e nós que devemos pedir licença para passar. Ver um animal tão forte, bonito e imponente perder a vida, mostra claramente o quanto intensificamos a sua fragilidade.

 

 A importância da Rebio de Sooretama na conservação da anta, assim como de outras espécies da fauna capixaba, é incontestável. Por isso, investir na proteção e no manejo adequado dessa unidade de conservação deve ser uma das prioridades do governo federal e também do governo do estado do Espírito Santo, bem como de cada cidadão. Seja, você, também um cidadão consciente, e ajude na conservação das antas, da fauna e da flora capixaba, e da Rebio de Sooretama. Pequenas ações podem fazer muita diferença! Nós somos amigas da anta, e você?

 

 

 

Please reload

Store_UltimosRefugios.png

Somos uma organização sem fins lucrativos. Por isso dependemos de doações para manter viva a luta em prol do meio ambiente. Sua colaboração mensal garante a continuidade e a independência do nosso trabalho.

Post_amigos_do_ultimos_refugios01.jpeg

Quer receber novidades? - Assine a newsletter

CALL US:

+55 (27) 3022-1667

CHOOSE YOUR LANGUAGE:

Rua Humberto Balbi - 21 - Ed. Renê Descartes - sala 208 -

Jardim Camburi - Vitória, ES - Brazil

2006-2019 © Últimos Refúgios - All rights reserved

  • Facebook - Últimos Refúgios
  • YouTube - Últimos Refúgios
  • Instagram - Últimos Refúgios
  • Twitter - Últimos Refúgios